Grupo de Estudos de Cancro de Cabeça e Pescoço – seus objectivos e plano de acção para 2010/2011

Os carcinomas da cabeça e pescoço são a  4ª patologia com maior incidência em Portugal em indivíduos do sexo masculino, isto se agruparmos as diferentes localizações (laringe, faringe, cavidade oral e nasofaringe).

A abordagem destes doentes requer uma equipa multidisciplinar, não só na altura da decisão terapêutica, mas sim durante todo o seu processo diagnóstico, terapêutico e de reabilitação, uma vez que são submetidos a terapêuticas muitas vezes mutilantes, e com morbilidades que limitam a sua vivência social.

Por esse motivo, o GECCP foi criado em 20 de Julho de 2010, com o objectivo de promover, apoiar, colaborar e/ou realizar iniciativas de carácter formativo e educacional, técnico, científico, investigacional, deontológico e ético no âmbito dos tumores de Cabeça e Pescoço.

Foi propósito desta primeira direcção a criação de um site, onde possam estar todas as informações relevantes para os membros, com um espaço para discussão de artigos com relevância clínica, e com uma zona de acesso limitado aos membros, onde haverão fóruns de discussão, com diversos temas de interesse nesta área e onde todos poderão participar.

Demos início ao processo de financiamento para a criação de uma base de dados de registo nacional, que irá ser colocada à discussão de todos os membros, logo que seja possível a sua concretização. Esta base pretenderá complementar os registos oncológicos, completando a informação acerca dos doentes e das particularidades dos seus tratamentos, para posteriores análises e conclusões que possam melhorar os cuidados prestados a estes doentes.

Era ainda propósito desta direcção a realização de um simpósio nacional para discussão e aprovação dos primeiros consensos nacionais para o diagnóstico, estadiamento e tratamento dos tumores de cabeça e pescoço, que se realiza dia 20 e 21 de Maio 2011.

Durante esta reunião vamos poder contar com a presença do grupo espanhol que nos trará a sua experiência enquanto grupo, e a sua experiência investigacional. Pretende-se que no final da reunião possamos discutir a possibilidade de participação e desenvolvimento de projectos de investigação conjuntos, de âmbito ibérico. Neste âmbito irão ser apresentadas duas propostas de ensaios clínicos de iniciativa do investigador, portugueses.

Pretendemos alertar para a necessidade de formação dos colegas da Medicina Geral e Familiar, Dentistas, para que cada vez mais as lesões sejam diagnosticadas em estádios mais precoces, onde existe ainda uma possibilidade de tratamento curativo. A educação para a saúde é também uma área muito importante, em que devemos investir grande parte dos nossos esforços, no sentido de promover hábitos de higiene oral adequados, campanhas anti-tabágicas, etc. Para isso, o GECCP mostra-se disponível para poder realizar estas acções de formação nas suas diferentes áreas.

Em Novembro irá decorrer a Assembleia Geral do GECCP para as primeiras eleições, momento em que cessarão funções a actual direcção.

 

Para inscrever-se no GECCP clique aqui!